OS SAFADOS DO ELEVADOR


Hoje fui na consulta com a nutricionista. Chegando lá peguei o elevador com mais três pessoas, dois caras e uma guria. Até aí tudo bem, mas você deve estar perguntando porque estou escrevendo isso…

A menina tinha lá pelos seus 20, 21 anos, era morena, super bonita. Olhei para ela, achei bonita e segui olhando para frente. Quando olho, os dois caras estão de olho na menina com uma cara de bagaceiros, como se quisessem estuprar ela na hora ali… E o pior que eu fui o primeiro a descer, temi pela vida dela.

Esses tempos as gurias do trabalho foram a um bar se divertir num clube da Luluzinha. Os relatos no dia seguinte contavam até quase agressões na tentativa dos caras de tentar alguma coisa. Uma delas inclusive tinha marcas no braço de uma pegada de um deles. E elas foram na boa, apenas curtir uma noite.

Aí eu penso: esses são os caras que queimam o filme da raça masculina. Pois tu acabas querendo ser o cara legal, honesto e bom papo, mas na hora que vai tentar uma conversa vira um qualquer. No fim, fica tudo farinha do mesmo saco.

Acredito que não há mal em olhar, admirar e até puxar uma conversa, desde que não seja agressiva. Mas por causa de idiotas como esses essa situação fica cada vez mais difícil para nós, homens honestos…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s